Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

domingo, 20 de novembro de 2016

Desenhar com Luís Frasco

Ontem fui até ao Museu Arqueológico do Carmo para mais uma oficina de desenhar com.... desta vez com Luís Frasco. Gostei muito da maneira descontraída e descomprometida como falou dos seus desenhos, dos seus receios, dos seus desejos e de todas as sensações e vivências em redor dos seus cadernos. Foi muito inspirador. O exercício proposto também foi muito interessante e este foi o resultado. Estava muita gente. Não consegui conversar com todos mas revê-los foi muito bom.

5 comentários:

Mário Linhares disse...

Muita bom! Mesmo!

L.Frasco disse...

Volto a dizer, António: que página incrível!
Fico satisfeito de teres apreciado a apresentação.
Obrigado mais uma vez de terem aparecido.

Membro USkP disse...

Adorei este desenho! Muito obrigada pela explicação da perspectiva :) vou tentar!
Celeste Vaz Ferreira

Ana Crispim disse...

Fantástico

cláudia mestre disse...

Gosto muito mesmo!