Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Desafio 72 - Calçada Portuguesa


  Para o Desafio deste mês, com o tema da Calçada Portuguesa, decidi vaguear um pouco pela baixa de Lisboa, para escolher o sítio ideal para representar, que reflectisse o verdadeiro impacto e significado da Calçada Portuguesa no ambiente da cidade. Representei neste desenho o Largo da Madalena, com a igreja a fazer esquina, num cruzamento de vias, que a meu ver é lindíssimo, pela mudança contínua de perspectiva cada vez que damos um passo para o lado. Com isso, a calçada portuguesa acompanha cada uma das ruas, vinda de todo o lado, quase como se toda confluíssem para o centro do Largo.


5 comentários:

jeanne disse...

gosto muito

cláudia mestre disse...

Que complexidade de linhas! Gosto!

Henrique Vogado disse...

Belo tricotado das linhas do eléctrico. A calçada preenche muito bem o desenho. Muito bom!

nelson paciencia disse...

Gosto deste desenho!

Benedita Pinheiro disse...

Também gosto muito do desenho! Belas linhas!