Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sábado, 29 de outubro de 2016

Ainda o Coliseu

Sentada no meio do palco do Coliseu foi isto - ou mais ou menos :-) -  que vi! 
Agora é só fechar os olhos e imaginar luzes, cores, música e muita gente. 
E pronto! É isto que vêm os artistas há 125 anos:))


5 comentários:

Eduardo Salavisa disse...

Para a capa do livro, já! É só isto que tenho a dizer.

Rodrigo Briote disse...

É obra pôr a vista toda do palco no caderno, mas conseguiste

Monia Abreu disse...

Uau!!!!! Concordo com o Eduardo!!! :)

Fernanda Lamelas disse...

Que maravilha!

Mário Linhares disse...

Elá! :))
E como as luzes estão todas viradas para o palco, eles devem ver mesmo assim tudo às escuras.
Ganda Teresa!!