Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Lisboa Antiga XII


A repetição tão esperada (por mim) de um desenho deste desafio. O primeiro que fiz (aqui) deixou-me francamente insatisfeito porque não consegui captar a paisagem com a mesma força que o RG fez (e sei que será quase impossível faze-lo), portanto lancei o desafio a mim mesmo de voltar a tentar e agora já fiquei um pouco mais feliz. Já consegui aqueles contrastes dramáticos que esta paisagem oferece. Dificilmente vou conseguir um dia de sol tão bom como este antes do final do desafio mas vou tentar mais uma vez...

2 comentários:

nelson paciencia disse...

Ó pá, é melhor lá ires outra vez e fazer outra tentativa, que este ainda não ficou capaz...
:)

Pedro Loureiro disse...

Foi um belo princípio de tarde ali passado. O desenho mostra isso!