Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

terça-feira, 18 de Dezembro de 2012

Miradouro S. Pedro de Alcântara


Infelizmente, por lapso, esqueci-me do encontro deste passado Domingo, mas por coincidência, também andei a desenhar pelo bairro alto. Estive essencialmente a tentar desenhar paisagem atmosférica, coisa que já não fazia há alguns anos. Aqui ficam alguns dos resultados. Bárbara Maçães

10 comentários:

nelson paciencia disse...

Eu acho que te vi a desenhar no miradouro! Até comentei com a minha colega se serais alguém "dos nossos", e que provavelmente não terias resistido a desenhar "por fora" do bairro alto.
Belíssimos desenhos, parabéns.

Filipe Almeida disse...

Bem bonitos, gostei muito.

disse...

sim, também vos vi e pensei inocentemente "que fixe, há imensa gente a desenhar, não estou sozinha" :) a ver se não falto ao próximo encontro cá em lisboa. entretanto acho que vou continuar o tour dos miradouros, ganhei-lhe o gosto, se correr bem, faço mais uns posts.
:) obrigada pelo incentivo!

Cesar disse...

Gosto de todos, mas principalmente do primeiro.

Ana Barbosa disse...

Lindos...

nelson paciencia disse...

Olha, se gostas de desenhar em miradouros, não devias perder o workshop do Richard Câmara, que em Janeiro vai acontecer para o final do mês. Eu vou inscrever-me.

Rui disse...

Admiro sempre a coragem de quem se lança ao desafio de desenhar "skylines". E grandes blocos no geral. Eu perco-me sempre, a 2ª linha de edifícios já não cose com a primeira, a 3ª com a 2ª... :)
Os teus ficaram muito bem!! Gosto muito.

Maria Celeste disse...

...gosto muito...
...sente-se o ar que tudo envolve...

Pedro Ferro disse...

Muito bonitos, sintéticos, mas com tudo o que é essencial!

José Louro disse...

Como gosto disto.