Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011




Estes são uns dos desenhos do encontro no exterior do museu.
Mas é interessante! encontrei a mesma imagem do santo, mas quando o ví, ele já estava de joelhos, talvez a resar...curioso?!
XI ENCONTRO



Aqui ficam os primeiros frutos deste "encontro".

XI Encontro, MNAA


Tenho sempre vários cadernos "no activo".
Apetece-me variar o formato, o papel, a encadernação... mas não é costume dividir o desenho por dois cadernos. Foi mesmo só para o challenge.
Caderno Laloran 13x14 e caderno Moleskine 9x14 aguarela.
Foi uma tarde agradável, o XI Encontro!

XI Encontro

Comecei pelo bicho do Bosch que toda a gente quer sempre desenhar (para quê ser original, ele merece a atenção).
A seguir comecei este desenho (pelo desenhador agachado) e, querendo a posteriori apanhar a estructura completa, continuei a parte de cima noutra folha do mesmo caderno, não contígua à primeira ...como não era fisicamente possível alinhá-las a olho, estimei os ângulos, o que garantiu que colaram bem uma vez scanadas - viva a mania da triangulação!)

E finalmente, alguns retratos, como não podia deixar de ser...

...e de resto foi conversar, porque é bom rever amigos ausentes :)

Um abraço, e espero que se tenham divertido muito neste encontro.

XI Encontro

À entrada do museu quase no fim do encontro
Tronco todo retorcido no jardim do museu

Antes da chamada até os pombos se reuniram
Relógio no museu de arte antiga

A desenhar na entrada do museu e a igreja na rua ao lado
Dentro e fora do museu


Gostei muito desta tarde passada a desenhar no museu de arte antiga, infelizmente no meio de tanta coisa só consegui fazer 6 desenhos.
Estes encontros estão a ficar cada fez maiores!

XI Encontro





























XI Encontro

Muito bom encontro.Gostei muito!

Vista do jardim à entrada do museu.
Apontamento rápido de um homem sentado dentro do museu.
Mais uma vista à entrada do museu.

XI Encontro

Se a intenção foi juntar o máximo número de pessoas a desenhar, o resultado foi fabuloso: cerca de 150 (quanto foi ao certo, Mário?). Nos próximos nada de inscrições. É a minha opinião.
Único desenho feito enquanto almoçava

Museu Nacional de Arte Antiga


foi uma tarde bem passada, grande iniciativa

XI Encontro no Museu Nacional de Arte Antiga


O XI ( e o meu primeiro) encontro dos Urban Sketchers resultou nisto.

Dos olhos e da mão que por lá andaram - em jeito de reportagem








Encontro - Museu de Arte Antiga

Mesmo que só por um bocadinho, foi muito bom voltar a encontrar pessoas tão bonitas e tão cheias de entusiasmo pelo desenho!! Bons desenhos e até breve! :)

Fotos do XI Encontro

A chamada dos presentes...


Pelas 16h30...

Pelas 18h00, a troca de desenhos...

Grande encontro. Excelente tempo e uma boa adesão. Gostei, desenhei, conversei e ainda deu para ver a exposição dos quadros do Nuno Gonçalves no último piso. Gostei mesmo.

domingo, 27 de fevereiro de 2011

prontos para a chamada ....


hora marcada e muita gente ansiosa por entrar no museu Nacional de Arte Antiga ... e desenhar!

Diário Gráfico: Vila Viçosa

Sabia que preferia as páginas grandes. Sempre me senti melhor a desenhar em cadernos A5.
Desta vez decidi experimentar o A4 (uma carga de trabalhos para digitalizar) num retiro de Artes feito em Vila Viçosa com alunos do secundário.
Confesso que gosto muito do formato. Dá-me mais liberdade de movimentos.

Hoje vou levá-lo para o encontro no Museu Nacional de Arte Antiga.
Seremos quase 200 pessoas a desenhar e teremos de entrar por grupos de 25 porque o Museu não estava à espera de tamanha enchente. Rotativamente, vamos desenhando as fantásticas ruas de Lisboa, a maravilhosa vista para o Tejo e o interior do museu.
O que nos interessa mesmo é desenhar em grupo não é?

Até logo às 14h30.

Sempre na minha frente


No meu local de trabalho, existe um posto permanentemente ocupado com os mais variados visitantes. Para mim, funciona como uma armadilha para "presas".