Nunca encontrei ninguém completamente incapaz de aprender a desenhar.

John Ruskin, intelectual inglês do século XIX


Pensamos que o Diário Gráfico melhora a nossa observação, faz-nos desenhar mais e o compromisso de colaborar num blogue ainda mais acentua esse facto. A única condição para colaborar neste blogue é usar como suporte um caderno, bloco ou objecto semelhante: o Diário Gráfico.

sábado, 31 de Julho de 2010

Torres de Ofir

Torres, Ofir

Desenho na praia, aguarela em casa…
Com o calor que estava, acho que a distancia entre o copo de água e o papel era suficiente para secar o pincel…

Challenge XXVI

light

Como têm estado umas noites muito quentes, decidi ir até à beira rio fazer uns apontamentos com pouca luminosidade. Aqui fica o resultado…

sexta-feira, 30 de Julho de 2010

Resposta ao Challenge XXVI

Escolhi a definição proposta:luz-os efeitos da luz

Luz-2(25/7)
A lua a nascer a nascente, e os efeitos em azul e rosa da luz do sol a pôr-se a poente.
Que bonito que foi este fim de tarde num dia de muito calor!


Luz-1(23/7)
A transpârencia das aguas de Sesimbra permite ver traços de luz no fundo de areia.

Resposta ao Challenge XXVI


Escolhi a definição proposta:luzir---Crescer,desenvolver-se, medrar...

Desenhei o meu neto Tomás (5 anos),que pôs o meu chapéu de palha,sorriu,e parecia o sol.

quinta-feira, 29 de Julho de 2010

CHALLENGE XXVI

Elvas, duas da tarde. A luz do Sol de verão não cria sombras. Apenas linhas.

Suécia

Apenas dois desenhos durante a ida à Suécia. Um pormenor rural com típicas casas nórdicas de madeira, e um instante de um embarque de voo ryanair


Luz, 2


Também me divertiu imaginar o aparecimento gradual da luz, ajudando a definir formas que já existiam.

Luz


A resposta óbvia a este challenge XXVI é desenhar a ausência de luz.

quarta-feira, 28 de Julho de 2010

Resposta ao Challenge XXVI


Escolhi a definição proposta: luz - o que ilumina o espírito.
Desenhei a cavaqueira, entre colegas, na biblioteca, depois de um bom jantar, em Julho de 2010.

Um «sketcher» da Maria Celeste

Challenge XXVI : LUZ

Serpa, Herdade da Retorta, casa do séc. XIX...nem imaginam a luz que aqueles vidros coloridos e antigos irradiam....

Meios de Transporte



Louvre


As obras de arte já não servem para ser contempladas. Apenas para se levar um registo delas através de fracas objectivas ou servirem de prova em como os visitantes ali estiveram

domingo, 25 de Julho de 2010

sábado, 24 de Julho de 2010


Enquanto não chega a inspiração para o Challenge, aqui ficam umas rosas do mês passado.

Um abstrato de luz




Aguarela.

LUZ


 
Luz...

É aquela que alumia as nossas vidas,
De noite
E de dia.

Luz...
Da luz viemos,
Para a luz voltaremos.

;-)
Boas Férias a todos os Urban Sketchers!

sexta-feira, 23 de Julho de 2010

Challenge XXVI - Monsaraz à noite, ao som do Cante

Monsaraz tem uma luz própria. De noite ou de dia.
Mais intensa se torna quando, repentinamente, no silêncio da noite avançada, irrompe o som do Cante. Era o ensaio do Grupo Coral de Monsaraz.
Parei, escutei e registei o momento.
Ao som do Cante.

Pintores de rua em Lagos


quinta-feira, 22 de Julho de 2010

Guiné-Bissau


Quando em 2008 estive na Guiné-Bissau fiz alguns retratos mas também tirei muitas fotografias.
Enviei algumas delas para um concurso das Nações Unidas e agora preciso das vossas visitas...

Se puderem vão ao meu blog e cliquem em cada uma delas para as verem directamente no sítio do concurso.
Se deixarem um comentário será fabuloso!

Obrigado!

Challenge XXVI


A causa de morte mais provável desta rã, terá sido ficar presa num local cuja água se foi evaporando com o sol, até ela mesma ficar sequinha. Acontece, elas saltam mas não tanto. Foi recolhida numa espécie de tanque na Ria Formosa.

No atelier

quarta-feira, 21 de Julho de 2010

CHALLENGE XXVI_A LUMINOSA


O Enigma e o Fulgor de uma luz esverdeada.
Sem comentários…

CHALLENGE XXVI_A LUZ_ A ILUMINADA



O brilho e o fulgor – A iluminada.
Sorrindo, contente e feliz, eis a minha Tainha. Só que… esta áurea é-lhe conferida quando também nos deixa os cabelos em pé!

CHALLENGE XXVI_A LUZ_CIÊNCIA



A Lua Cheia exerce influència sobre as águas do mar e no Homem, neste caso na Mulher. Vero!

CHALLENGE XXVI_O EFEITO DA LUZ...EM PESSOAS



Esta imagem representa uma criança, semi nua, em pleno local onde habitava (África). À noite, quando avistava a grandiosa Lua,a miúda dançava, rodopiava até ficar tonta e cair exausta no chão. Ela queria lá chegar ao outro planeta, mas verificou que só anos mais tarde, próximo desta data (dia e mês) e num outro continente, houve alguém que conseguiu pisar pela primeira e única vez o terreno distante… Resultados de uma evolução! Uma data inesquecível a de hoje!

Actualmente, a magia embora um pouco diferente prevalece. Só o tempo e a inocência é que já não voltam…

mar à vista


Challenge XXVI

Challenge XXVI. Cinema também é luz. A propósito de um convite que me fizeram ilustrei um dos meus filmes preferidos. Adivinham qual é? Se não vejam aqui.

Challenge XXVI

Em Mértola, a luz que faz os caiados brancos brilharem, traz consigo um calor que nos faz transpirar e beber água que nem doidos!

Challenge XXVI

Ando um bocado arredado destas lides do blog, mas numa dessas outras lides (limpeza do computador) encontrei um desenho já algo antigo que com alguma boa vontade se aproveita para este desafio.

Coruja das Torres (Tyto alba)

Nem sei bem a data, nem de que diário saiu isto. Sei que a encontrei atropelada junto a Alcochete. Provavelmente encandeada pela luz dos automóveis. É sempre triste. Lembro-me de ver por estas alturas na N125 inúmeros juvenis de mocho-galego colhidos na beira da estrada, provavelmente aves inexperientes que nem chegaram a tomar o gosto à vida.

Aqui fica então o registo de uma criatura da noite, morta indirectamente por uma luz. O exemplar foi recolhido e entregue ao curador do Museu Nacional de História Natural - ao menos que se aproveite algo de uma morte desnecessária.

domingo, 18 de Julho de 2010

Challenge XXVI

luz
(latim
lux, lucis)
s. f.
1. O que, iluminando os objectos! os torna visíveis.
2. Candeeiro, lâmpada, vela ou outra coisa acesa.
3. Efeitos de luz em quadro, fotografia ou outra representação.
4. O que ilumina o espírito. = claridade
5. Claridade de um astro. = dia
6. Brilho, fulgor.
7. Critério.
8. Evidência.
9. Ilustração.
10. Publicidade.

luzes
s. f. pl.
11. Saber, ciência, instrução, conhecimentos.
dar à luz: parir, publicar.
luz verde: autorização para fazer algo.
vir à luz: nascer; aparecer.

luzir - Conjugar
(latim
luceo, -ere, luzir, brilhar, resplandecer)
v. intr.
1. Brilhar; resplandecer; refulgir.
2. Fig. Crescer, desenvolver-se, medrar.
3. Fig. Dar nas vistas. = sobressair
4. Fig. Surgir de repente.
v. tr. e intr.
5. Dar proveito ou lucro.


É só escolher uma definição, ou várias, e começar a desenhar!

Vários

Entrei no elevador(av.Roma)e refletido no espelho do tecto vi todo o pequeno espaço da cabine(360).


A vista a 360ºda baía de Sesimbra foi feita dentro de agua olhando em redor e simplificando.


Andando à volta de um pau de toldo da direita para a esquerda (360º)as sombras dançavam da esquerda para a direita(360º).


No fim de Junho fui a Londres com o meu neto Zé Eduardo.Está a ver o «Eye»(360)e tudo cabe na cabeça redondinha(360).